Circuito de dimmer com Triac TIC226 ou BTA10 – Controle potência

228
108452

Avalie este artigo
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5,00 - 4 votos)

Circuito Dimmer com Triac TIC 226 para controle de potência em cargas como ventilador, temperatura de estufa, brilho lâmpadas incandescente, controle de velocidade de furadeira, motores entre outros.

Sobre o circuito do dimmer

O circuito utiliza poucos componentes que juntos controlam o ângulo de disparo do Triac, com isto disparando em diversos pontos do sinal senoidal da rede, permite aplicar potências diferentes a carga.
Se o disparo for no início do semiciclo, todo o semiciclo poderá ser conduzido a carga, esta receberá a potência máxima. Já se o disparo for no final do semiciclo, apenas uma parcela da energia será conduzida para carga que funcionará com a mínima potência.
O ajuste da potência ocorre entre este extremos.

Receba nossas notícias de eletrônica em seu e-mail. Cadastre seu e-mail no formulário abaixo para receber

Para conseguir o disparo do TRIAC, nos pontos que interessamos, utilizamos uma rede de retardo RC, onde R é variável, assim ajustamos a potência controle este tempo.

O DIAC, ou Diode for Alternating Current, é um gatilho bidirecional, ou diodo que conduz corrente apenas após a tensão de disparo ser atingida, e para de conduzir quando a corrente elétrica cai abaixo de um valor característico, chamada de corrente de corte. Este comportamento é o mesmo nas duas direções de condução de corrente. A tensão de disparo é por volta dos 30 volts para a maioria destes dispositivos. Este comportamento é de certa forma similar, porém mais precisamente controlado e ocorrendo em menor valor, ao comportamento de uma lâmpada de neon.

Sobre  Snubber (C2/R2)
Snubbers são pequenos circuitos inseridos em conversores estáticos de potência, cuja função é controlar os efeitos produzidos pelas reatâncias intrínsecas do circuito. Os snubbers podem amortecer oscilações, controlar a taxa de variação da tensão e/ou corrente, e grampear sobretensões.

dimmer com triac Circuito de dimmer com Triac TIC226 ou BTA10   Controle potência Iluminação Fontes Controle CircuitosSugestão de placa de circuito impresso para montar

dimmer triac pcb Circuito de dimmer com Triac TIC226 ou BTA10   Controle potência Iluminação Fontes Controle Circuitos

Esquema de ligação

dimmer Circuito de dimmer com Triac TIC226 ou BTA10   Controle potência Iluminação Fontes Controle Circuitos

  • Use um pequeno dissipador de calor no triac.
  • A carga pode ser um lâmpada incandescente ou lâmpada de LED que aceite dimmer, um ventilador, temperatura de uma estufa, um secador de cabelo, a velocidade uma furadeira e muito mais.
  • Deve obrigatoriamente utilizar um fusível para proteger o circuito, este fusível terá valor nominal 30% maior do que a carga ao qual irá ser ligado.
  • Também opcionalmente pode ser utilizado uma chave para desligar o circuito
  • Se conseguir potenciômetro com eixo de plástico seria ideal, de qualquer modo não opere sem um knob com boa isolação.
  • O conjunto deve ser alojado em uma caixa plástica, se for controle de lâmpada ou ventilador pode até mesmo ficar na caixa na parede, junto com o interruptor. Em outras aplicações a caixa deve ficar isolada do ambiente e não deve entrar em contato com líquidos.
  • O Triac a ser utilizado deve ser de acordo com a carga com ao menos 30% de tolerância em relação a corrente. Já em relação a tensão estes deve ser de ao menos 30% a tensão de pico da rede onde for instalado. A VPP é de 155V em redes de 110V e 311V em redes de 220V.
  • Talvez seja preciso alterar o capacitor C1, para conseguir o funcionamento completo. Valores entre 69nF e 220nF podem ser testados.
  • Pode ser utilizado diversos TRIAC de acordo com sua necessidade, só adaptar a tensão e corrente que precisa. Comuns no nosso Mercado são Bta16-600, Bta16-700, Bta16-800, Bta41-600, Bta10-700, Bta12-700, T410-600, Bta24-800, Bt136-600, Tic226, TIC236, TIC246. Só atente para os sufixos e códigos de cada Tiristor, pois são eles que dizem qual corrente e qual tensão máxima suportam.
  • Quanto maior a potência a ser controlada, maior deve ser o dissipador de calor para o TRIAC.

,Atenção circuito trabalhando diretamente com rede de alta tensão cuidado risco de choque

Lista de peças para montar o dimmer de controle de potência

Componente Valor
C1, C2 100n /630V
CN Conector Bloco de terminal
DIAC DB3 ou equivalente
P1 470K ou 500K – Potenciômetro simples
R1 4.7K – Resistor 1/4W
R2 100 – Resistor 2W
T1 TIC226 ou equivalente, veja o texto
Fios, placa de circuito impresso, knob, caixa, solda, etc.

Download dos arquivos de placa em PDF para esta montagem

Nós recomendamos EasyEDA para Layout e fabricação de PCB
Protótipos PCB com rapidez e baixo custo - EasyEDA
10 pcs 2 layer somente $10,00, Cadastre-se grátis em EasyEDA e ganhe $5,00

grupo Circuito de dimmer com Triac TIC226 ou BTA10   Controle potência Iluminação Fontes Controle Circuitos
Comentar via Facebook

228 COMENTÁRIOS

  1. Caro Toni acompanho seus projetos e com certeza são muito bons, Se possivél gostaria que me ajudasse pois preciso montar um Dimer para controlar uma resistência elétrica de 1.125Watts, 9Amperes de corrente, e Tensão de 127volts, se possivél conto com a sua ajuda. Desde já sou grato pela colaboração!

  2. esse dimmer da pra controlar motores de ventiladores adicionando o snubber usando malha RC ou usando uma bobina na entrada? qual a potencia do potenciometro, do resistor?

  3. Olá Toni, estou fazendo um pequeno scoot com moto de 12v,mais estou com dificuldade em um dimmer simples que possa aumenta e diminuir a rotação do motor como se fosse um acelerador do scoot,vc tem um esquema de um simples que possa me ajudar ?

  4. Bom dia,  tenho um motor e uma bateria 14,6 volts, a velocidade é muito alta do motor, gostaria de controlar a velocidade desse motor, qual circuito posso usar? tem como mandar via e-mail?

  5. Hola amigo, requiero hacer un variador de velocidad con el principio de un dimmer, es una transmisión de CA a 127v, 1100W, consume 15A… Podrias ayudarme?

  6. olá amigo , preciso de um dimmer para controlar um ventilador de split vc tem como e auxiliar , tenho colocado essa placa universal mas não tem controlador de tensão, tenho muitas peça velhas e queria tirar peças delas vc pode me dar essa ajuda, o micro ventilador não tem mais de 0,5 Amperes . aguardo seu contato amigo.

    • olá amigos eu preciso controlar as velocidades da turbina , que tem que sair um tensão de 170 , 180, 190volts para reduzir a velocidade da turbina , mas não tenho como por um pontenciometo para regular , ficaria muito brega no meu ver , vc ter que ir no aparelho regular , se já tem um controle. aguardo seu contato.

  7. Olá, eu montei esse projeto mas a tensão maxima na lampada é de 60 volts, sendo que minha tensão de entrada é 127V. Outro problema é que quando eu inverto a faze e o neutro na entrada ele muda o valor da tensão na “saida” o que pode ser? Como resolvo isso? 
    Grato

  8. preciso de um controlador de voltagem na faixa de 0 a 36 volts corrente continua ,e um controlador de temperatura simples para acionar um motor ca (bomba de piscina  ), vc pode me ajudar?

  9. Ola toni, tenho uma lampada de 12v qie funciona com CC e CA, como faco pra ligar um dimmer e qual o mais adequado pra ser ligado no trafo de 12 v?

  10. Bom dia Toni, vc poderia me ajudar, estou precisando de amplificar o volume de um telefone comum, atraves de um potenciometro, é para uma pessoa que tem problemas auditivos, encontrei um aparelho pronto mas é muito caro, vc teria um esquema para isto.

  11. Bom dia Toni,
    Gostaria de saber se você tem a informação se  dimmers possuem apenas componentes  PTHs ou também possuem componentes SMDs? 

    Desde já agradeço

  12. cARO AMIGO TONI,ESTOU ENVIADO ESTA MENSSAGEM,SOBRE OS MOTORES DE LIQUIDIFICADORES,EU PERGUNTARIA QUAL POTENCIA DESTES MOTORES,E QUAL VELOCIDADE,SE ELES TEM 2/BOBINAS E UM ROTOR 2 ESCOVAS QUE ESTE MOTOR EU FIZ UMA DE CORTAR GRAMAS.E PERGUNTARIA SE UM CONVERSOR DE CORRENTE DARIA PARA ASSIONAR ESTE PEQUENOS MOTOERES.OK iLOD,FICAREI GRATOS PELA RESPOSTA.

  13. Olá Toni sobre a resposta do colega se funciona com ventilador de teto, e você diz que o
    ventilador é carga indutiva então ele não funciona.Gostaria de saber se você tem algum 
    esquema para ventilador de teto,obrigado.

  14. caro amigo toni,o tric 226d aguentaria a corrente de um motor de 2hp de 3amperes de corrente pelo mesmo tic cujo valor do potencimetro é de 50kms,daria para controlar a velocidade,de rotação de5000 giros por segundos ok ildo.

  15. Caro amigo toni,sei que é um profissional em eletronica,gostaria que me enviassen pelo site a resposta se é possivel encontrar resistencia ajustavel,cujo valor de entrada é 110 volts,qual loja e onde fica ok obrigado Ildo

  16. Olá mano td bem… estou iniciando neste ramo como hobby, até comprei, creio, que da sua empresa algumas placas no mercado livre… mas estou precisamdo de um amplificador de fones (projeto simples) pode me ajudar?? Obrigado

  17. Boa Noite!
    Tenho um motor de 2cv com corrente nominal de 13A, monofásico. Noitei uma elevada carga da partida do mesmo (Partida Direta), CHEGA A 117A até estabilizar na nominal. Verifiquei Soft-Starters mas são muito caros. Pensei neste seu estudo. Seria possível iniciar o motor com uma velocidade menor de forma a ficar proximo da corrente nominal usando um TIC246 ?
    Obrigado pela Ajuda!

  18. Toni tem um bom dia, um fórum muito interessante, um pedido de desculpas, eu quero TRIAC equivalente to TICC226D, alguma sugestão, ou se você conhece algum?, Muito grato.
    Obrigado

  19. OLA TONI !!!!! ESTOU PRECISANDO E UM DIMMER POTENTE PARA CONTROLAR A VELOCIDADE DE UM MOTOR 12 V DE UMA BOMBA PERISTALTICA, COM INVERSÃO DE ROTAÇÃO, PROCUREI AQUI NO SITE E NÃO ENCONTREI, VC PODE ME AJUDAR? DESDE JA AGRADEÇO E PARABENIZO PELA BRILHANTE INICIATIVA!!!

  20. Olá Tony.
    No circuito” Dimmer com Triac TIC 226″ ten um DIAC, mas sem referencia, serve qualquer um? E se substituir o tic 226 por um bta 41-600b, vou conseguir usar esse circuito para uma corrente maior?
    Grande abraço.
    Mauricio.

DEIXE UMA RESPOSTA