Potenciômetros : Linear e Logarítmos

19
25512

Avalie este artigo
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3,00 - 4 votos)

Fazendo um projeto de amplificadores de áudio, decidi colocar um potenciômetro na entrada , para controlar o volume do som. Porém, ao compra-lo, me deparei com 2 tipos de potenciômetros, e então, decidi pesquisar mais sobre eles.

10KMIN Potenciômetros : Linear e Logarítmos Tutoriais Microcontroladores Dicas

Receba nossas notícias de eletrônica em seu e-mail. Cadastre seu e-mail no formulário abaixo para receber

O que é um potenciômetro?
Assim como os resistores, o potenciômetro também limita a corrente. Todavia, o potenciômetro tem uma resistência que pode variar de acordo com a sua necessidade, através de um movimento mecânico.
Formatos de potenciômetros
Pode se encontrar diversos estilos de potênciometros, e os mais comuns são os de movimentos circulares (como o da imagem acima) e os deslizantes (muito usado em mesas de som). Existe no mercado um potenciômetro chamado de ‘duplo’, onde é possível controlar 2 canais diferentes em apenas 1 potenciômetro.
Knob
O knob é o acessório de acabamento do potenciômetro, e é encaixado na parte que movimenta mecanicamente o componente. No potenciômetro com movimento circular, por exemplo, o knob é colado (muitas vezes nao necessita cola alguma) no eixo estriado.
Linear(B) ou Logarítimo(A)?
Eis a questão; os potenciômetros lineares(também conhecidos como potenciômetros ‘B’) possuem variação de resistência constantes (lineares) , e então, é mais imediata e drástica. Os potenciômetros logarítimos (também chamados de potenciômetros ‘A’) possui uma variação de resistência ‘em curva’, e então, dá a sensação de ‘menos preciso’ ao variá-lo.Aparentemente, sãomais ‘lentos’.
Potenciômetros Lineares : Onde Usar?
Podem ser utilizados em qualquer tipo de projeto , como por exemplo, fontes ajustáveis e dimmers.
Potenciômetros Logarítimos: Onde Usar?
Apesar de também poderem ser utilizados em qualquer tipo de projetos, são muito recomendáveis para áudio; a tal ‘curva’ apresentada na variação de resistência permite que a variação de som não seja tão brusca. Imagine só: Você está num local onde necessita apenas de um som ambiente, que não incomode ninguém, e então, você resolve aumentar bem pouco o volume… Com um potenciômetro Linear, provavelmente o pouco que você variar, já alcançará o volume máximo, e assustará todos os presentes no ambiente. Já com o logarítimo, a sensação de controle será muito melhor.
Conclusão
Saiba muito bem o que você está fazendo; conheça o componente que você está utilizando, para não se surpreender com os efeitos causados. Conheça seu projeto, e assim, você conhecerá sua necessidade.

Escrito por Lucas Felfoldi Santos
Visite também

Nós recomendamos EasyEDA para Layout e fabricação de PCB
Protótipos PCB com rapidez e baixo custo - EasyEDA
10 pcs 2 layer somente $10,00, Cadastre-se grátis em EasyEDA e ganhe $5,00

grupo Potenciômetros : Linear e Logarítmos Tutoriais Microcontroladores Dicas
Comentar via Facebook

19 COMENTÁRIOS

  1. Bom dia ..Sou técnico de eletrônica formado em Santa Rita nos anos 80 … Ficou claro a descrição sobre a ação lenta dos log e a rápida dos lin. Naquela época aprendíamos que o ouvido humano aceita a variação logarítmica no que diz respeito ao controle do volume ! O que me chama a atenção é apenas as nomenclaturas A e B … Tenho certeza que usávamos os “A” em controles de tonalidades ( graves e agudos) e “B” nos de volume em nossos amplis , o que revela-se o contrário na descrição acima !! Contudo, abrindo várias mixers atuais notei mesmo que os deslizantes contem a nomenclatura “A” …. Grato !!

  2. Ola, estou com a impressão que os informações sobre os potenciômetros estão invertidas, no seu comentário sobre deixar o som em volume “ambiente”, o melhor é usar o linear que varia lentamente a resistência (0 -1 – 2 – 3 – 4…………. ohms) enquanto o logaritmo da saltos (0 – 10 – 100 – 1000…….ohms).

    Se eu estiver errado, me perdoem e me orientem, sou novo no ramo.

    Abs.

  3. Olá, queria confirmar se os pots nacionais, os log vem como B, pois sei que no caso de pots lin, seia colocar do cursor ao terra, um resistor de valor uns 20% do valor do pot, assim o mesmo ficaria com uma curva log, próprio para controle de volume! Tá crto, é isso mesmo!
    Abraço!!

  4. Minha dúvida é a seguinte: Já li em alguns sites que os pot logarítimicos nacionais vêm com a letra “B” e os lineares com a letra “A”. No caso dos importados, principalmente dos EUA, é o contrário. Gostaria de saber se essa informação procede.
    Agradeço desde já.

  5. ola estou desenvolvendo um projeto e preciswo utilizar um potenciometro linear para controlar a energia q sai de um rele de 70 amperes 12 volts , de quantos k teria que ser o potenciometro ?

  6. Olá amigo, parabens pela publicação, foi bem clara e precisa. agora se vc puder ajudar que tipo de potenciometro vem com a especificaçao de resistencia ‘C’? pergunto porque to com um projeto de amplificador para montar e me deparei com um desses. abraços!!

    • Olá Ediglei,
      Os potenciômetros com curvatura C são os chamados “anti Log” , que tem uma curva ao contrário dos tipo Log (A). Procure por “potenciômetros anti log ou reverse log” no google para obter uma informação mais detalhada.
      Em geral, são mais dificeis de se encontrar, e quando encontra , são mais caros que os Log (A) e lin (B).

      • ola Lucas, no caso desses antilog eu consigo substituir por um do tipo B? Preciso trocar o do meu amplificador e não encontro por nada esse potenciometro.

  7. ola, meu caro! eu sou novo na area de eletronica e ja tenho uma certa experiencia com audio que e a parte da eletronica que mais me atrai. agradeço pela publicaçao acima e permita-me dizer que nao restaram nenhuma sombra de duvida a respeito da diferença entre potenciometros logaritimos e lineares, tal duvida essa que limitava certas ideias que eu tinha de aplicar uns projetos que eu vi na internet que  nao tinham muita informaçao e entao eu tive que improvisar. Estou aplicando um projeto de um pre- amplificador  usando o CI TA7630P e o projeto nao especifica o tipo dos potenciometros so informando o valor de resistencia deles mas agora eu sei quais eu vou usar graças as informaçoes contidas nessa publicaçao! deus abençoe!
    obs: a conclusao foi a chave de ouro! rsrsrsrs

DEIXE UMA RESPOSTA